domingo, 10 de fevereiro de 2019

Bórgia

BÓRGIA COMPLETO - JODOROWSKY/MANARA
Dig., Trad. e Letras/Elicarpo, Priscila e Conrad/Ndrangheta & DecK'Arte


PARA BAIXAR, CLIQUE MEGA ou MEDIAFIRE

Escrita pelo chileno Alejandro Jodorowsky e magistralmente ilustrada pelo mestre dos quadrinhos eróticos, o italiano Milo Manara, Bórgia narra a saga da família que dá nome à série e que de fato existiu, tendo ficado famosa por conta das disputas de poder e intrigas em que seus patriarcas se envolveram.

Jodorowsky concentra seu roteiro no período do Renascimento, durante o papado de Rodrigo Bórgia, considerado o mais cruel, corrupto e depravado de todos os papas da idade média; e o escritor não faz concessões e desde o primeiro número, cria imagens perturbadoras de violência, sadismo, pedofilia e torturas, criando o cenário ideal para Milo Manara realizar o trabalho mais espetacular de toda sua carreira.

Manara é conhecido pelas mulheres que desenha – suas histórias oscilam entre o erotismo, mas não raro descambam para a pornografia desenfreada, com roteiros não melhores que um filme pornô, porém aqui, ele vai além. Sua recriação da Europa medieval é primorosa, desde vestimentas, caracterização dos personagens, geografia e urbanismo. A chance de ver um trabalho seu colorizado também é impar, já que a maior parte de suas obras (inclusive O Click que é a mais famosa) costuma ser em preto e branco.

Jodorowsky toma muitas liberdades criativas em relação à História e exagera em alguns fatos que sequer têm comprovação, tudo para criar a atmosfera densa, insana e paranoica que deve ter sido o papado de Rodrigo Bórgia, que mudou o nome para Papa Alexandre VI após sua nomeação. (Texto completo em Pipoca & Nanquim).





Nenhum comentário: