sexta-feira, 31 de agosto de 2018

Macbeth

COLEÇÃO SHAKESPEARE EM QUADRINHOS: MACBETH
Arquivo Digital Enviado por A Girl Without a Name/HORDA Classics

PARA BAIXAR, CLIQUE MEGA ou MEDIAFIRE

Macbeth e seu amigo, Banqwo, são parados na estrada, depois de uma batalha, por três bruxas que preveem que Macbeth em breve será rei, assim como a prole de Banqwo também reinará no futuro. Tal previsão desencadeia uma série de acontecimentos trágicos, dignos de Shakespeare. 

O roteiro de Marcela Godoy e a arte de Rafael Vasconcellos traduzem a peça de modo que nos prende e nos faz ler como se fosse a primeira vez que Macbeth é apresentada. A arte é bela e se adequa muito bem ao texto. 

Macbeth, mesmo atormentando pelo peso da profecia, não se nega a tentar cumpri-la, com a ajuda de sua esposa, Lady Macbeth. os dois entra em um frenesi pelo poder e se sentem invencíveis graças ao que foi predito. Mas, a cada novo passo, Macbeth e sua rainha se aproximam de uma tragédia maior. 

"Sangue chama sangue". Macbeth consulta as bruxas mais um vez que, ao lhe responderem com palavras que parecem dar a certeza de vitória, são, na verdade, ambíguas.  Macbeth se lança em uma guerra contra tudo e contra todos. Não existe mais como voltar, e sua derrota só se dar floresta adentrar o palácio. Então, se uma floresta não anda, Macbeth é invencível. 




terça-feira, 28 de agosto de 2018

Porto da Trerra 01 a 07

PORTO DA TERRA - #01 a #07
Tradução e Letras: Guardiões do Globo

PARA BAIXAR, CLIQUE MEGA ou MEDIAFIRE

Os alienígenas chegaram à Terra. Não vieram em paz, mas também não vieram em guerra. Vieram a negócios. A Terra éum ponto estratégicamente comercial na nossa vasta galáxia e eles querem montar um porto aqui, quer dizer, nos EUA, onde mais seria? 

Com esse acordo comercial, o governo e certos conglomerados comerciais são agraciados com tecnologia alienígena que transforma água em combustível Tudo parece muito proveitoso para ambos os lados. 

Os aliens são proibidos de sair do porto quando estiverem de passagem pela Terra, mas, essa proibição, depois de um tempo, começa a ser desobedecida, com graves danos para os seres humanos. Então é criada uma agência de segurança terrestre para proteger os... alienígenas! Sim, afinal, são eles os donos do negócio. 

Com essa incongruência, os terrrestres ficam cada vez mais contra o Consórcio alienpigena. Isso sem contar o impacto negativo na economia mundial que os motores a água causaram. Apenas alguns poucos estão tirando vantagens disso, enquanto a maioria está desempregada e cada vez mais sem poder de compra. Mais ou menos como hoje em dia só que sem alienígenas. 

Quando dois seguranças da AST entram emcontato com um alienígena, os dois entram em conflito sobre como lidar com aquela situação: proteger os humanos, dos quais ele já matou um, ou proteger o alienígena? Porém, cada momento que passam discutindo e tentando encontrar a melhor solução, só vai piorando cada vez mais a situação,que é bem mais grave do que parece. Série em andamento. 





segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Infiel

INFIEL - 05 EDIÇÕES
Tradução e Letras: Guardiões do Globo

PARA BAIXAR, CLIQUE EM MEGA ou MEDIAFIRE

Aysha é uma jovem muçulmana que mora em um prédio que foi local de um ataque terrorista recente, ou ao menos assim pareceu. O ataque matou vários moradores do prédio, e Aisha tenta não pensar nisso, mesmo sendo alvo de olhares racistas. 

Ela namora Tom, que tem uma filha. A mãe de o tenta não deixar seus preconceitos serem um empecilho entre as duas e Aisha confia nela, mesmo que o seu próprio filho diga que ela não deva fazer isso, devido a comportamentos passados de sua mãe. 

Medina é uma amiga de infância de Aisha e sempre está ao seu lado para o que der e vier. Só que as duas não esperavam o que viria pela frente. 

O prédio está assombrado e Aisha é a primeira a ter contatos imediatos com essas criaturas do além. Porém, não consegue dizer a ninguém o que tem visto. Mas, logo outros moradores do prédio tem a mesma experiência. 

Um desses moradores pesquisa para um livro seu, simbolobos ocultistas e descobre que no prédio morou um velho que mexia com essas coisas e acreditava que havia como abrir uma passagem para que essas criaturas viessem para nosso plano. Eles tentam encontrá-lo para mais detalhes. 

A tailandesa Pornchak Pshetchote, que trabalhou como editora junto a Karen Berger na Vertigo tem sua estréia como roteirista e não deixa a desejar. Infiel é um terror que vai além das barreiras do além, fazendo com que não saibamos mais se o que assusta mais é o sobrenatural ou se é o que as pessoas escondem em seus preconceitos mais recônditos.





sábado, 25 de agosto de 2018

Linda Escuridão

LINDA ESCURIDÃO - KERASCÖET/VEHLMANN
Tradução e Letras: R A F A E L/Scans: Jbabylon5/HORDA Tails

PARA BAIXAR, CLIQUE AQUI

Mais uma obra interessante enviada por um novo colaborador. Uma história em quadrinhos que parece nos colocar no centro de algo que precisamos entender, mesmo que seja difícil. 

Aurora vive numa espécie de Reino Mágico, ou algo do tipo, que de repente entra em colapso. Ela, seus amigos e seu belo príncipe se veem expulsos de onde habitavam para o mundo aqui fora, o mundo real.

Apesar da linda capa já dar uma boa dica, prefiro não dizer com todas as letras onde ficava este Reino Mágico. O fato é que Aurora agora está, assim como seus amigos, perdida em uma floresta e precisa sobreviver e ajudar outros a sobreviverem. 

Os autores parecem fazer questão que nós interpretemos os acontecimentos de antes, durante e depois. E não é uma tarefa fácil E, as coisas que passam pela nossa cabeça, só fazem a escuridão ser mais profunda. 

Aurora faz de tudo para ajudar a todos os que estão ali com ela, mas, neste microcosmo do mundo real, ela enfrenta adversidades do lugar onde está e daqueles que ela considerava como amigos. Aurora tenta sobreviver como pode, mas sem perder sua candura. 

Linda Escuridão com certeza não agradará a todos, mas, àqueles que agradar, se sntirão gratos por esta experiência, seja qual for o resultado dela. 




Demolidor de Bendis e Maleev - Vol. 01

DEMOLIDOR: BRIAN MICHAEL BENDIS/ALEX MALEEV - VOL. 01
Digitalização, Tratamento e Páginas Duplas:
Out, The Sider Z/HORDA Senses

PARA BAIXAR, CLIQUE MEGA ou MEDIAFIRE

Este deu trabalho. Um dos motivos foram as muitas páginas duplas. Que aliás, acabaram por me mostrar que o encadernado estava incompleto. 

Assim, para fazer as páginas duplas eu uso os scans estrangeiros, que já vem com as paginas duplas inteiras e, quando peguei o e encadernado já digitalizado deste volume, logo de cara vi que o encadernado brasileiro veio sem quatro números (Daredevil 16 a 19) também escritos por e desenhados por David Mack. 

Poderia ser por não terem sidos desenhados por Alex Maleev?Não, já que mesmo no volume brasileiro, exitem histórias desenhadas por outros dois desenhistas além dele. Talvez fosse porque eses números não tiveram continuidade até o número 26, onde começa o encadernado nacional? Creio que não, pois outros volumes tem edições puladas, também. Sei lá, provavelmente nunca saberei. 

O fato é que fui atrás desses números faltantes. Pensei em colocar scans que já existiam na rede, mas estes eram muito antigos e iam ficar deslocados juntos com os novos. 

Então encontrei as revistas em que foram publicadas, no Mercado Livre, e as adquiri: Marvel 2002 #2 a #5. Ou seja, nos primórdios da transição Abril-Panini. Coloquei a quatro edições no fim do encadernado, como se fossem extras, para não misturar tudo. As quatro histórias forma um arco fechado que pode ser lido antes ou depois, tanto faz. 

A supressão destas edições é um pecado mortal, pois a história de Bendis e a arte de Mack são impecáveis. Falo sobre isso daqui a pouco.

Sobre o que foi publicado no encadernado, também é algo muito valioso. Talvez seja a melhor fase de Demolidor desde a época de Frank Miller. Só não dou certeza porque não li nada entre a fase de Miller e a de Bendis.

Temos um Rei do Crime totalmente vulnerável que sofre um duro e fatal golpe de um novo gangster. Em consequencia disso, a identidade do Demolidor se torna conhecida de mais criminosos, e o advogado Matt Murdock passa a ter sua cabeça colocada a prêmio. Mas, não para por aí, logo sua identidade secreta é vendida para um jornal e se torna conhecida de todos. 

Além de ter de lidar com esses problemas, Murdock precisa defender um colega de profissão, o Tigre Branco, acusado de matar um policial. Murdock sente que os conflitos causados pela revelação de sua identidade, podem colocar seu trabalho como advogado em risco.

Já a história recuperada, é sobre um menino que está em estado catatônico, a quem Ben Urich tenta ajudar, enquanto faz uma matéria sobre o pai do garoto desaparecido, o supervilão conhecido como Sapo. Tentando entender o que aconteceu com o menino, que agora só repete clichês de histórias em quadrinhos de super-heróis contra supervilões, acaba descobrindo que o Demolidor está envolvido na história e passa a procurar o amigo para tentar desvendar o que aconteceu com o garoto e como e porque ele está envolvido. 





Moonshine #01 a #12

MOONSHINE #01 a #12 - AZZARELLO/RISSO
Tradução e Letras: Guardiões do Globo/Os Invisíveis/SóQuadrinhos

PARA BAIXAR, CLIQUE MEGA ou MEDIAFIRE

Explicando um pouco a seção esporádica "Scans Que Eu Li". Lá no início da Era de Ouro dos scans - acho que estamos mais ou menos na era Moderna, não sei - era hábito colocar scans de todos os lugares, por aqui. No momento rem que surgiram outros grupos, seus scans também foram distribuídos no RA.

Porém, isso era feito muito desordenadamente e de modo apressado. Eu simplesmente não lia o que pegava. Também havia a questão da qualidade das traduções e/ou digitalizações que, a paritr do momento que você apenas pegava e repassava, isso não era checado. Quem sabe até mesmo a qualidade das história e se valiam o esforço. 

Na Era de Prata eu estava meio que assistindo a tudo de fora. Mas, não consegui ficar muito tempo longe e logo voltei às atividades. E o método de redustribuição de scans ainda continuava o mesmo, sem checagem. Na Era de Bronze, eu passei a colocar apenas os scans feitos por mim e pelos colaboradores diretos, que eram e são bem poucos até hoje, mas são os melhores. 

Na Era Moderna eu passei a querer não apenas distribuir scans, mas lê-los também. Principalmente depois que adquiri um tablet. E, ao ler coisas que baixei dos grupos de tradução, pensava: ah, tenho que colocar isso no RA, pois vale a pena. E assim surgiu a seção "Scans Que Eu Li".

Mas, ficam aqui duas observações: Os scans aqui colocados não são nem 1% do que se pode baixar nos sites, blogs ou fóruns dos quais eu os baixei e que sempre coloco o nome ali logo abaixo do título. Também não fico conferindo para ver se sairam novos numeros, asism sendo é bem mais fácil a pessoa ir ao site original se tem pressa pelas continuações. 

Agora, falemos de Moonshine. Só duas palavras já bastariam para esta HQ: Azzarello e Risso. O "e' não conta. 

Imagine uma mistura de Os intocáveis (sem os federais), Um Lobisomem Americano em Londres (sem Londres) e uma pitada de Coração Satânico (sem o Diabo) e você tem uma história em quadrinhos do caráleo. 

Na época da proibição de bebidas alcóolicas, gangsters fizerma fortuna com o comércio ilegal. Num lugar afastado, uma família r´sutica e violenta está fazendo a melhor bebida da região, e o mafioso local quer ela para si. Para convender Hiram, o chefe da família, ele envia o pau pra toda obra, Lou. 

Parecia que seria apenas mais um trabalho, em que o dinheiro falaria mais alto. Mas, não foi bem assim. Lou lgo descobre que nem mesmo os federais puderam fazer nada contra a família e que eles não querem o dinheiro de seu chefe. 

Tendo visto coisas que assustariam qualquer ser humano normal, Lou tenta convencer seu chefe a esquecer o assunto, mas, claro, ele não fará isso,pois o assunto se tornou pessoal, pois desrespeitaram o padrinho. 

Vai começar uma guerra e Lou estará no fogo cruzado, e uma das armas de Hiram, não é exatamente de fogo. 






Vinegar Teeth

VINEGAR TEETH - TROY NIXEY/DAMON GENTRY/GUY MAJOR
Tradução e Letras: A Man Without a Name/HORDA Cullzhatros

PARA BAIXAR, CLIQUE AQUI

Brick City. Um monstro lovecraftiano aporta na cidade no momento em que uma batida policial está em andamento. O monstro acaba por engolir e digerir o criminoso qu estava para ser capturado e, como recompensa, se torna o novo poliial da cidade, o que deixa Arti Buckle enfurecido, já que o monstro será seu novo parceiro. 

Se lembrar seu nome, a criatura recebe o singelo nome de Vinegar Teeth (Dentes de Viangre) por causado cheiro que exala. Artie mesmo descontente, tenta ensinar c omo ser um bom policial ao sempre bondoso e prestimoso Vinegar. 

Mas, alguma coisa a mais está acontecendo nos bastidores. Pessoas estão sendo dominadas por algoque se chama Cullzathro e estão prestes a dominar a cidade, enquanto Cullzathro se prepara para adentrar nossa dimensão e trazer com ele o Apocalipse. Apenas Vinegar Teeth e Artie Buckle podem salvar a cidade e o mundo. 

Uma HQ alucinante, cheia de ação e comédia, e muito non sense, onde até mesmo um dos personagens é trocado no meio da história (desenhado de forma diferente). Vinegar Teeth está pouco se lixando se vão chamá-lo de uma mistura de Lovecraft com Hellboy - que já é uma mistura de Lovecraft com ele mesmo -  só que acompanhado de LSD. 

Esperamos que gostem... ou não. Que seja. 





MDP: Raízes do Mal - Vol. 06

MONSTRO DO PÂNTANO: RAÍZES DO MAL - VOLUME 06
Digitalização e Tratamento: Renato PLT/HORDA Roots

PARA BAIXAR, CLIQUE AQUI

O capítulo final da fase Millar.

O Monstro do Pântano passou um ano ausente para reaparecer totalmente transformado e muito mais poderoso que nunca. Está certo de que o propósito de ter ganho tais poderesdo Parlamento das Rochas e do Parlamento das Águas é que ele purifique a terra livrando-a dos seres humanos. E algumas pessoas vão tentar impedir isso. 

O primeiro deles é Jason Woodrue, o Homem Florônico, cooptado pelo governo e liberado do Asilo Arkham para tentar convencer o elemental de desisistir de seus planos. 

O segundo é John Constantine, que foi arregimentado pelo Vingador Fantasma, para ajudar em um plano de contingência contra o agora poderoso ser. Mas, uma das aparições, para tentar deter a catástrofe, é uma das mais inesperadas: Anton Arcane. 

Na verdade, parece que Millar apenas resolveu trazer de volta todos aqueles que foram importantes nas fases do Monstro desde Alan Moore em uma espécie de homenagem. 

Além desses todos, temos Tefé, a filha do elemental, que também será de suma importância na trama. 




quinta-feira, 23 de agosto de 2018

Artbooks: DC Comics/Darwyn Cooke

DC COMICS YEAR BY YEAR - A VISUAL CHRONICLE - 2010
GRAPHIC INK - THE DC COMICS ART OF DARWYN COOK - 2015
Digitalização, Tratamento e Distribução: GetComics

PARA BAIXAR, CLIQUE AQUI e AQUI

Acho que não preciso dizer que são scans em inglês, haja visto que é um material praticamente impossível para amadores traduzir e letreirar. Não é como uma revista em quadrinhos. 

Isso me lembra até uma breve história, de um grupo de tradução que já não existe mais. Vagando pelo su site, vi um anúncio sobre os próximos lançamentos, que estariam em produção. Entre eles estava a vindoura tradução do art book Mythology de Alex Ross. Eu ri sozinho, comigo mesmo, e pensei, "não vai rolar". 

Eu tinha na época - e ainda tenho - o artbook e sabia da dificuldade hercúlea que seria não apenas traduzir, mas diagramar todas aquelas mais de 400 páginas, com textos sobre imagens. Era um sonho muito banaca, mas apenas um sonho. Eu mesmo teria gostado muito de ler em português. 

Dois dois acima, eu também tenho o primeiro, DC Comics Year by Year. É o tipo de livroque fica defasado rápido, pois como pode se ver, este volume é de 2010. Ou seja, já está defasado em oito anos, e muita coisa já mudou na DC nesse período. Mas, vale a pena assim mesmo. Principalmente para saber mais sobre o passado.

O outro artbook é do saudoso artista Dawyn Cook, que nos deixou antes de poder preencher mais uns quatro artbooks desses. Este volume traz artes suas e histórias curtas ou partes de histórias que foram publicadas pela DC Comics. Nao é preciso nem dizer que é material de primeira. 




terça-feira, 21 de agosto de 2018

Moebius: Absoluten Calfeutrail

COLEÇÃO MOEBIUS: ABSOLUTEN CALFEUTRAIL
Recuperação de Dados: The Girl Without a Name and Cub/HORDA Oui

PARA BAIXAR, CLIQUE AQUI

Como Moebius explica na pequena introdução deste álbum, Absoluten Caufretrail seria algo como Absolutamente Calafetado, ou seja, totalmente fechado, como em Garagem Hermética. 

Isso porque as histórias são criadas pelo autor de uma forma pouco convencional, sem roteiros, ou esboços, apenas seguindo seu instinto, até o seu final.

Mais do que ficção-cientítica são histórias que nos levam mais para o mundo da fantasia, do fantástico e do absurdo. Na maioria da vezes, com mai absurdo que o normal. Afinal, é Moebius. 

A primeira história parece ser um tema recorrente a Moebius, a queda. aquela coisa meio onírica, onde estamos caindo, caindo, ou tentando nos manter no ar, sem jamais conseguirmos. 

temos a seguir uma estranha história de amor, uma tentativa de fuga de uma vida um tanto agitada, um robô aprontando altas confusões e dois viajantes do espaço encontrando um artefato em um mundo estranho. 

A última e mais longa - sem trocadilhos - história é a saga do Pau Doido. Onde um homem com um problema de priapismo vê-se sendo perseguido por várias pessoas, de mulheres apaixonadas até o governo que teme uma catástrofe caso ele não volte a seus afazeres. Uma história do caralho.