quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Coleção Marvel Salvat: Howard

COLEÇÃO MARVEL SALVAT: HOWARD, O PATO
Digitalização: Renato PTL/Tratamento: Outsider Z/HORDA Scans

PARA BAIXAR, CLIQUE AQUI

"Sim, você leu certo: Howard, o Pato. 

Não é o nome que se espereva ver ao lado de outros títulos de super-heróis da Marvel, mas até aí, Howard The Duck não é a típica revista em quadrinhos da Marvel. Tendo aparecido pela primeira vez em Adventures Into Fear 19, Howard foi uma criação de Steve Gerber, um dos roteiristas mais incomuns, selvagemente criativos e inspirados a trabalhar com HQs. 

Howard foi criado porque Gerber sentia necessidade de apimentar as aventuras do Homem-Coisa que ele escrevia na época. 

O Homem-Coisa, uma massa de matéria pantanosa animada, era mais uma força da natureza do que um personagem a ser desenvolvido. Então, para tornar o título mais atraente, Gerber adicionou um bizarro elenco coadjuvante, que incluía o mago Dakihm, o bárbaro Korrek... e Howard, o Pato. 

Para quem vê de fora, essas histórias parecem os delírios de um louco. A Casa das Ideias realmente estava tentando nos convencer de que Howard seria o próximo Homem-Aranha ou Homem de Ferro? ProRat, o Mago Financeiro, ou Garko, o Homem Sapo, vilões que estariam à altura do Doutor Destino ou do magneto? Não. Claro que não. Em vez disso, essa HQ era a Marvel em seu ponto mais subversivo. Por sorte, a maioria dos leitores entendeu a piada e a popularidade de Howard decolou. 

O pato malicioso era efetivamente a voz de Gerber para o mundo, usado para ventilar todos os males que ele percebia nos Estados Unidos dos anos 1970, fosse o comercialismo desenfreado, violência na mídia ou apatia policial. Na verdade, a zombaria política levou a um inspirado tie-in com a eleição de 1976, quando Howard concorreu à presidência dos EUA. Fãs de quadrinhos de todo o país mostraram sua predileção com emblemas costurados em suas jaquetas, com os direres 'vote em Howard, o Pato'. 

Infelizmente, temos espaço para mostrar somente as sete primeiras edições do título.  Mas como um extra, conseguimos inserir possivelmente a sua edição mais infame, Howard The Duck 16, ou Zen and The Art of Comic Book Writing. 

Gerber, sob imenso estresse, estava com o roteiro atrasado para essa edição. Então, em vez de reimprimir material antigo (o truque típico da Marvel quando encarava alguma situação parecida), ele criou uma HQ que consistia de um ensaio brutal sobre suas considerações acerca do processo de escrita. O resultado é extraordinário. 

Como um satírico especialista, nada era sagrado para Gerber, incluindo seu próprio trabalho. Após o que pode ser desconstruído como uma indulgente sessão de terapia às custas dos leitores, ele subverte toda a premissa ao incluir, na última página, a carta de um leitor condenando sua experiência, escrita por nenhum outro senão... Steve Gerber. 

Como as melhores sátiras, essas histórias são enganosamente inteligentes, ocultando uma verdade farpada em meio a camadas astutas e absurdas.  As histórias de Howard são uma curiosidade singular, não só na trajetória da Marvel, mas na cultura dos quadrinhos como um todo. À semelhança do grande Steve Gerber, são histórias únicas e provavelmente jamais voltaremos a ver coisa parecida." 





2 comentários:

Azrael disse...

Olá, Eudes.

Voce tem a minissérie HALCYON da Image Comics em portugues?

Queria reler mas não encontro em lugar algum.

Se tiver, por favor, coloque para download.

Obrigado.

Anônimo disse...

Estão faltando as duas primeiras aventuras:Adventure into Fear #19 e Man-Thing 01.Vcs poderiam incluir no scan.

Pittie