terça-feira, 30 de maio de 2017

Dia D - 09 Volumes

DIA D - 9 VOLUMES 
Tradução e Letras: Ane Forcato/PC Castilho/HQ Point



PARA BAIXAR, CLIQUE AQUI

O Dia D, aquele momento da virada que ficou marcado na História da Humanidade para sempre. E se esse momento tivesse sido diferente? E se aquele acontecimento que causou mudanças drásticas na paisagem do mundo fosse de outra forma? 

A série de HQs Dia D vem para responder essa questão em alguns do momentos mais marcantes da História. Apesar de a coleção não estar completa, e os números estarem pulados, isso não influi na leitura, já que cada álbum é uma história completa. Não sei qual o critério que o HQ Point usou, mas sei que nove volumes são mais do que suficientes para se refestelar lendo. 

Assim como o Ndrangheta & Deck'Arte, o HQ Point também traduz muitas HQs européias, mesmo que não somente elas, como o Ndrangheta. E, vasculhando seus recônditos descobri essa preciosidade em termos de originalidade e arte. 

Os escritos Fred Duval e Jean-Pierre Pécau (algumas vezes auxiliados por Fred Blanchard) nos trazem algumas das possibilidades mais interessantes que já vimos no mundo dos quadrinhos:

- Os Russos na Lua: Nem precisa explicar muito não é? A Apollo 11 fracassa em aterrisar na Lua, fazendo com que os russos vençam a corrida espacial, criando assim um impasse para os EUA, que decide, em resposta, criar uma base permanente na Lua, o que os russo também fazem em seguida. 

- Quem Atirou no Presidente?: John Kennedy é derrotado nas urnas e acaba não sofrendo o atentado que terminou com sua morte. Em seu lugar, o presidente a ser baleado seráoutro. Para isso, um soldado que foi mandado para a prisão é libertado e sua liberdade depende da missão que é obrigado a cumprir. 

- Vida Longa ao Imperador: França e Inglaterra são os países dominantes na década de 20. No entanto, os conflitos entre os dois continuam e são frequentes. E meio a isso tudo, um atendado ao imperador está sendo engendrado e um tal Adolph Hitler faz parte dos rebeldes. 

- Apocalipse Sobre o Texas: Os EUA estão divididos, Nixon é presidente de uma parte dele, mas não é reconhecido, Charlton Heston é o presidente oficial, mas cada vez mais sua posiução é ameaçada. Um conflito nuclear está prestes a ter início. 

- O Bando dos Kennedy: Durante a Lei Seca um bando de contrabandistas é o mais procurado pelas autoridades dos EUA, o Bando dos Kennedy. Liderado pelo pai Joe Kennedy, que sonha ser presidente dos EUA, o bando de gângsters não tem limites. 

- O Leão do Egito: Os muçulmanos estão dominando o mundo. Estão em guerra e conquistando vários páises. Porém, ninguém esperava que contassem com a ajuda de um dos maiores gênios da Humanidade, para conseguirem armas de Guerra: Leonardo Da Vinci.

- Colombo: Novamente os muçulmanos mudam a História. Quando a proposta de Colombo é recusada pelos reis da Espanha, ele se converte ao islâmismo que, junto com os judeus, resolvem financiar sua viagem. Chegando ao novo continente, eles precisam lidar com outros conquistadores, os vikings. 

- A Seita de Nazaré: O povo escolhe Barrabás para ser crucificado e Jesus Cristo é deixado vivo. Trinta anos depois, a seita do nazareno se transformou em uma força rebelde que vem desafiando Roma e causando sérios danos aos romanos. Um de seus maiores líderes é Saulo de Tarso e os romanso vão precisa da ajuda de Maria Madalena para encontrá-lo. 

- A Estrela Branca: Um jovem evita, com seu telescópio, que o Titatic afunde, no que seria uma das maiores tragédias náuticas de todos os tempos. Porém, 20 anos depois, esse destino não consegue ser evitado e, entre os desaparecidos, está Adolf Hitler, líder do Partido Nazista. 


2 comentários:

G.A.S. disse...

Obrigado.

alain regis furtado disse...

Olá!
Realmente a série tem umas estórias interessantes, mas outras são uma viagem total.
Pode-se destacar "Russos na lua" e "Apocalipse..." pelas reviravoltas na última página e "Bando dos Kennedy" pelas referências.
Agora "O leão do Egito" e "A seita de Nazaré" são bem enroladas.
Por fim, "A estrela branca" foge tanto do foco no Titanic que ficou fraquinha.
Até mais.