domingo, 13 de janeiro de 2013

Justiceiro: Diário de Guerra


JUSTICEIRO: DIÁRIO DE GUERRA
A Ressureição de Mama Gnucci

Image and video hosting by TinyPic
Para baixar, clique aqui


Sinopse: Frank Castle está sendo assombrado. Primeiro pelo retorno de um vilão chamado o Elite de quem ele se livrou há algum tempo. Este, no entanto, não é ninguém mais que o filho do vilão original que agora procura vingar o pai morto. Mas a outra assombração parece ser bem mais sobrenatural: Mama Gnucci, que Castle detonou e mandou para o inferno na minissérie, publicada aqui em encadernado, Bem-vindo de Volta Frank (que eu não tenho).

Mesmo Castle tendo visto a chefona do crime morrer queimada, ela está de volta, e quer assumir o comando do crime mais uma vez. Sem entender o que está acontecendo, o Justiceiro recruta um capanga que estava prestes a ser executado e o faz de espião entre os mafiosos para tentar entender a situação.O nome dele é Charlie Schitti (presta só atenção à pronúncia do sobrenome. Coisa de Garth Ennis).

Mas, a coisa toda não para por aí. A tenente von Richtofen, uma policial lésbica, volta a ser colocada para encontrar o Justiceiro, seguindo o rastro de sangue que ele vem deixando pela cidade. Enquanto Frank Castle tenta encontrar Mama Gnucci e desvendar o mistério de sua ressurreição, a tenente precisa lidar com uma namorada bissexual e, ao mesmo tempo, seguir as pistas que a levem ao maior assassino de meliantes de todos os tempos.

Já o Justiceiro conta apenas com suas habilidades e com a ajuda de um obtuso ex-capanga, que deveria estar morto. Garth Ennis e Steve Dillon voltam a parceria que produz histórias tão sangrentas e escrotas (no bom sentindo) que se tornam clássicos instantâneos. Ou ao menos deveriam.


Nenhum comentário: